[1]
N. P. Vasconcelos e C. Biancolino, “Métodos das partidas dobradas no século XXI A era da informação”, JAMG, vol. 7, nº 2, out. 2009.