Evidenciação dos Ativos Intangíveis pelas Empresas do Setor de Energia Elétrica Listadas na BM&FBovespa

Autores

  • Geovanne Dias de Moura Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Odir Luiz Fank Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Patrícia Siqueira Varela Universidade Regional de Blumenau - FURB

Resumo

O estudo objetiva verificar quais itens compõem os ativos intangíveis evidenciados no balanço patrimonial das empresas de energia elétrica, participantes do Nível 1, 2 e Novo Mercado da BM&FBovespa, no período de 2006 a 2008. Para tal, realizou-se pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa, conduzida por meio de análise documental, com consulta ao balanço patrimonial, notas explicativas e relatórios de administração. Utilizou-se a técnica da análise temática ou categorial para identificar e reagrupar os intangíveis, de acordo com a classificação proposta por Sveiby (1998), que os divide em competência dos funcionários, estrutura interna e externa. Os resultados indicaram aumento no número de empresas que evidenciaram o item ativo intangível, assim como os percentuais de participação deste ativo em relação ao ativo fixo ocasionado, principalmente, por reclassificações e novos investimentos. Além disso, a evidenciação de forma narrativa e monetária do ativo intangível também aumentou. Os sistemas de informações (internos) e Xontratos de concessão (externos) foram os itens divulgados pelo maior número de empresas. Enfim, houve aumento de informações disponíveis aos usuários, fator que contribui para a tomada de decisão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-05-26

Como Citar

Dias de Moura, G., Luiz Fank, O., & Siqueira Varela, P. (2012). Evidenciação dos Ativos Intangíveis pelas Empresas do Setor de Energia Elétrica Listadas na BM&FBovespa. Journal of Accounting, Management and Governance, 15(1). Recuperado de https://revistacgg.org/contabil/article/view/375

Edição

Seção

Articles